quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Erro que não quero cometer novamente!


Essa semana andei meio que estressada, pois eu dei confiança a uma pessoa e ela não soube aproveitar da forma correta, e preocupada com outros problemas.

Teve também uma pessoa que ficou insistindo em falar umas bobagens todos os dias ao me vê que odeio, e desmonstrava pra ele indiferença (cara de quem não esta nada gostando), coisas repetitivas não dá (isso pra mim é falta de assunto pra falar), me estorei com esta, que ao falar outra vez pedi pra ir se "lascar", saiu por impulso! Falei que ela tava se tornando uma pessoa "chata" e "incoveniente" igualzinha a pessoa que você mais odeia!
Sei que magoei, senti vontade de pedir desculpas pela burrada que havia dito, mas vi que não podia. Pois pessoas como ele, não pode ser dado demais ao cabimento; se você der a mão para ajuda-lo, quer sempre mais e não agradece.

Um dia após tudo isso que aconteceu ele veio me pedir desculpas (nada mais justo, pois quem começou foi ele), mas reconheço que tenho uma parcela de culpa também. Afinal, errar é humano... mas depende de quem erra! rs

Reconheço meus erros mesmo sabendo que não errei em nenhum momento !
(Edyla Tarciane)

0 comentários:

Postar um comentário

Deixa seu recado, sua opinião ou até mesmo seu elogio.

Tarci e a doce espera.