quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Das perguntas sem noção...


Como havia falado no post anterior sobre as perguntas das pessoas que são inacabáveis e muitas vezes incomodas e não tem jeito de correr ou fugir que não tem jeito, e quem ainda não sofreu com isso, não se preocupe que sofrerá também.
Durante meu namoro, noivado e casamento sofri horrores com a “língua grande” das pessoas que sempre se ocultam nos bastidores e aquelas que fazem questão de aparecer e lhe fazer uma grande vergonha. Bem meninas, fui motivo de falação sim, pois namorei 4 meses, fiquei noiva durante 8 meses e pelo fato de ser calada e discreta (sempre fui assim, e acho que deviam respeitar meu jeito de ser, não é porque estou para casar que tenho que ficar falando pelos cotovelos) , me criticaram por noivar cedo, você está grávida??? Não (povo que não tem o que fazer da vida). Pois é meninas, casei o menino ainda não nasceu (kkk).
E ai meninas vocês já passaram por isso, conta como foi? E para quem não passou ainda vai passar.

3 comentários:

  1. Coisa complicada é a lingua do Povo, ficam sempre cobrando e querendo saber o porque de tudo.
    Eu já estou ficando de saco cheio sabe.
    Mas paciência =/

    Uma Linda Quarta Querida

    Beijos
    ;**

    ResponderExcluir
  2. haja lingua ne??? mas sabe, tem um ditado que diz: a lingua é o chicote da bunda! hauahuah e ja vi varias pessoas que falaram muitas coisas, e pagaram em dobro ushush :) tem q rir ne?

    ps: tbm sou super na minha.. e passei alguns tititis por ser quieta :)

    bjuss

    ResponderExcluir
  3. ah esse povo é fogo né...
    terrivel...

    ResponderExcluir

Deixa seu recado, sua opinião ou até mesmo seu elogio.

Tarci e a doce espera.